PARCERIA COM TRIBUNAL DE CONTAS FAZ PREFEITURA ECONOMIZAR 300 MIL DÓLARES EM AUDITORIA

economia 17 de Abril, 2019 1457

PARCERIA COM TRIBUNAL DE CONTAS FAZ PREFEITURA ECONOMIZAR 300 MIL DÓLARES EM AUDITORIA

A Prefeitura de Campo Grande e o Tribunal de Contas do Estado firmaram uma parceria em julho de 2018 com o objetivo de oferecer ao projeto Reviva Campo Grande um trabalho técnico com análise financeira e de sistema de controle interno. O resultado dos trabalhos foi apresentado nesta quarta-feira (17), no Gabinete do Prefeito, e possibilitou uma economia de U$ 300 mil aos cofres da Prefeitura.

O prefeito Marquinhos Trad comemorou a economia e enfatizou que o órgão vai além da fiscalização e vem contribuir para o desenvolvimento da cidade.

DSC_0009 (Copy)“A certeza para toda a cidade de Campo Grande que há um órgão fiscalizador que composto por auditores técnicos, por pessoas qualificadas, competentes, fiscalizam o dinheiro público sem custo ao erário municipal. Um presente do TCE, que de maneira responsável e qualificada está entregando para a nossa cidade. Um órgão que orientou, aconselhou e educou”, disse.

A atuação do TCE traz em seu relatório recomendações que serão monitoradas, entre as quais o fortalecimento do controle interno do município. Traz também informações quanto ao modelo praticado do processo interno da Prefeitura no sentido de escolher o melhor, além de recomendações quanto ao sistema utilizado no projeto.

De acordo com o diretor geral do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul, Eduardo do Santos Dionízio, para chegar ao resultado o TCE atendeu uma série de requisitos exigidos pelo BID.

“Isso se dá em relação às normas de auditoria que são adotadas, à metodologia de trabalho, uma questão estrutural, e a própria equipe de auditores, que foi devidamente preparada para atuar em um contrato com este. Este trabalho foi intenso, feito com muito propriedade e competência pela equipe que extraiu um relatório do qual emanou-se recomendações que serão adotadas no curso do contrato”, explicou.

Já o auditor do Tribunal de Contas do Estado, Sandelmo Albuquerque, explicou que a parceria foi importante pela economia gerada aos cofres públicos.

“Deixa de contratar uma empresa de mercado e utiliza o que tem na administração municipal, com profissionais com expertise em auditoria”, afirmou.

O prefeito ainda disse que com a economia, a Prefeitura terá mais recursos para investir em saúde, educação, mobilidade urbana, segurança pública, entre outras áreas.

“O que o TCE está proporcionando é um acompanhamento técnico imparcial para que nós possamos ter a certeza que o dinheiro do campo-grandense está sendo aplicado de maneira correta e confiável”, concluiu.