Pesquisa: aprovação do prefeito Marquinhos Trad continua alta

politica 12 de Dezembro , 2018 1005

Pesquisa: aprovação do prefeito Marquinhos Trad continua alta

Com 53,41% de ótima e boa, a administração do prefeito Marquinhos Trad (PSD) alcança um dos melhores níveis de aprovação popular nos últimos cinco anos em Campo Grande. Esse resultado foi obtido em consulta da Ranking Comunicação e Pesquisa, ao indagar aos campograndenses qual sua avaliação sobre o desempenho do governo municipal.

De acordo com os entrevistados, 26,33% sentenciam que a administração de Marquinhos Trad é regular. Para 15,25%, é ruim ou péssima. E 5,01% não souberam ou não responderam.

O instituto fez ainda a seguinte pergunta para aferir quais as avaliações objetivas dos campograndenses para os itens de aprovação e reprovação. À pergunta "você aprova a administração do prefeito Marquinhos Trad?" 77,79% responderam sim e só 22,21% disseram não.



Realizada de 1º a 11 deste mês com 1.200 pessoas a partir dos 16 anos de idade, a pesquisa ouviu a opinião de moradores de 26 dos maiores bairros de todas as regiões urbanas de Campo Grande. O intervalo de confiança é de 95% e a margem de erro de 2,83 pontos percentuais, para mais ou para menos.


MOTIVAÇÕES

Para 51,08% dos campograndenses que aprovam a gestão de Marquinhos Trad, os motivos principais são os fatos de ser bom prefeito, estar mostrando serviço e é trabalhador. A segunda razão é por entenderem que faz muito pela cidade, é educado, amigo e atencioso (46,16%) e a terceira por ser um homem sério e relacionar-se em harmonia com os vereadores (42,75%).

Já a maioria dos que desaprovam (44,50%) atribuem esta avaliação à falta de segurança, presença de dependentes químicos nas ruas e assaltos. Para 44,16% os ônibus lotados, sem ar condicionado e terminais abandonados justificam a reprovação, enquanto 40,33% consideram "um roubo" a taxa de lixo e caro o IPTU. 



O instituto perguntou quais as intervenções da Prefeitura são de suma importância neste governo e o maior número de citações (20,08%) indicou  o Projeto Reviva Campo Grande, que está embelezando o centro da cidade. Também foram citadas, pela ordem, as obras na saída de Rochedinho (19,25%), as rotatórias da Avenida Mato Groso com Via Parque e da Costa e Silva, em frente à Coca Cola (17,50%) e a ideia da construção de moradias para os idosos (15,16%).

DESEMPENHO

Conforme a opinião de 30,16%, para melhorar seu governo Marquinhos Trad deveria contratar mais médicos e funcionários para as Unidades de Pronto Atendimento (Upas), enquanto 22,33% sugeriram investimentos em segurança, principalmente para reprimir os pichadores e retirar das ruas os dependentes químicos. E ainda destacam-se as sugestões para suspensão da cobrança da taxa de lixo e redução dos valores do IPTU (17,41%), interligação e modernização da rede de computadores da Prefeitura (15,06%), conclusão das obras paralisadas, como o Centro de Belas Artes (13,75%) e a valorização, com melhorias salariais, do funcionalismo publico (10,16%).



Por fim, os entrevistados emitiram suas avaliações sobre o desempenho da equipe e 22,26% opinaram que a vice-prefeita Adriana Lopes foi a auxiliar que mais se destacou. Em seguida apontaram a primeira-dama e presidenta do Fundo de Apoio à Comunidade (FAC), Tatiana Trad (19,08%) e os secretários Maicon Nogueira, da Juventude (15,66%); Alex Oliveira, chefe de Gabinete do prefeito (10,41%; Pedrossian Neto, de Finanças (8,16%); Janine de Lima, da Agência de Trânsito/Agetran (7,25%).